Tag Archives: jornalismo

Aumenta número de presos sem condenação no Amazonas

MANAUS – O número de presos não-condenados no Amazonas aumentou segundo dados do 4º Anuário do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, lançado nesta quarta-feira (14). O balanço aponta ainda que a população carcerária no Amazonas cresceu 13,0% entre os anos de 2008 e 2009. No ano passado, foram contabilizados 417 mil presos em todo o país.

De acordo com o levantamento, o Amazonas está entre os dez estados onde a população carcerária provisória é maior. Em 2008, eram 1.292 presos já condenados. Em 2009, o número saltou para 1.549, o que representa um aumento de 19,9%.  Já a quantidade de presos provisórios em 2008 era de 2.206. No ano passado, o número subiu para 2.312, uma alta de 4,8%.

Dados de presos condenados e provisórios no Amazonas


Fonte: Ministério da Justiça/Departamento Penitenciário Nacional – Depen;  Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Outros nove estados (Alagoas, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Pernambuco, Piauí, Roraima e Sergipe), também aparecem no ranking. No Piauí, estado com o maior percentual, os presos provisóros representam 72,4% do total.

Para o secretário-geral do fórum, Renato Sérgio de Lima, “o sistema prisional vive uma crise de prisões provisórias”. Em entrevista à Agência Brasil, ele disse que a situação indica a falta de integração das instituições responsáveis pela segurança com a Justiça. Ele afirmou ainda que o cenário pode trazer prejuízos irreparáveis aos cidadãos brasileiros presos. “Algumas dessas pessoas podem ser inocentadas em julgamento. A Justiça tem que avançar para conseguir julgá-las mais rapidamente”, disse.

Dados do Ministério da Justiça publicados divulgados no relatório, os presos provisórios em todo o país representavam 30,7% do total em 2008. Em 2009, chegaram a 35,6%, ou seja, 152 mil pessoas.

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under notícias

Comunidade do Amazonas mostra vida ribeirinha no Caldeirão do Huck

MANAUS – A realidade da vida de 16 famílias que moram na comunidade de São Thomé, em Acajetuba, em plena floresta amazônica, será apresentada para todo o País durante o programa “A Festa e Sua” do Caldeirão do Huck, Rede Globo. As gravações aconteceram em Manaus, nesta terça-feira (7), tendo como cenário o imponente Teatro Amazonas, no Centro da capital. A exibição do especial será no dia 25 de dezembro.

Sem energia elétrica e isolados geograficamente da capital do Amazonas, os moradores de São Thomé estão a um passo de ver a pequena comunidade ficar conhecida pelo Brasil afora. Assim como diversas famílias que tiveram as vidas transformadas ao participarem do programa, a comunidade que sobrevive da pesca, artesanato e do tímido turismo no local, espera viver uma nova realidade.

Vânia Maria da Costa Mendes, de 40 anos, disse já perceber as mudanças que a visita de Luciano Huck trouxe à comunidade. “Todos estão felizes em participar do programa. É possível ver isso”, disse ela ao Portal Amazônia. O programa gravado no Amazonas vai ao ar no dia 25 de dezembro.


A moradora da comunidade São Thomé, Vânia Maria da Costa Mendes, de 40 anos.
Foto: Diego Ramos/Portal Amazônia

Ela e outras 39 pessoas participaram dos quadros “Agora ou Nunca”, “Lar Doce Lar” e “Lata Velha”, que nesta edição recebeu o nome de “Barca Velha” em homenagem à vida ribeirinha. Todos os anos, o “A Festa é Sua” sai em busca de histórias de vida que possam representar os programas exibidos ao longo do ano.  “Era um sonho fazer um programa em uma comunidade ribeirinha”, disse Luciano. Segundo ele, esse foi o maior desafio já realizado nos dez anos de programa. “Essa família se uniu pela questão geográfica. Por isso são mais que uma família”, destacou Huck durante as gravações.


Programa foi gravado no palco do Teatro Amazonas em Manaus.
Foto: Diego Ramos/Portal Amazônia

O grupo foi desafiado por Luciano a cantar, no Palco do Teatro Amazonas, a música “Imagine”, de Jhon Lennon. Caso vencesse o desafio, o barco utilizado pela comunidade seria totalmente reformado. No “Agora ou Nunca”, o filho de Vânia, Fernando Moraes, de 23 anos, enfrentará o desafio de fazer rapel em busca de R$ 100 mil. Os moradores também aguardam ainda a reforma e ampliação da pousada na comunidade que deverá gerar emprego e renda aos moradores da localidade.


À esqueda, Fernando Mendes, 23 anos, cumpre desafio no quadro Agora ou Nunca.
Foto: Diego Ramos/Portal Amazônia

Oportunidade

Para Fabiano, a participação no programa Caldeirão do Huck representa muito mais do que a chance de ganhar os prêmios. “Agora a nossa comunidade será conhecida por todos. Muitas vezes somos esquecidos no meio da floresta”. Em relação a prova, Mendes disse que é difícil sair do ritmo ribeirinho. “Subir no açaizeiro é completamente diferente”, afirmou.

Após a gravação, Luciano foi recebido pela primeira dama do Estado, Nejmi Aziz, na sede do Governo. No encontro, ela apresentou ao Huck alguns trabalhos sociais desenvolvidos no Amazonas nas áreas do infraestrutura e educação com as Escolas de Tempo Integral. Luciano também conheceu os investimentos do Governo para preparar o estado para a Copa de 2014.
Nejmi Aziz ao lado de Luciano Huck

A primeira-dama disse estar agradecida pela oportunidade de divulgar o Amazonas para o Brasil. “Esse foi um presente de Natal para o povo amazonense e um espaço para um pouco da nossa realidade. Vamos poder dizer que temos 98% da nossa área de floresta preservada. Além de fazer o bem a não só uma pessoa, mas para uma comunidade inteira,” destacou Nejmi Aziz.

Luciano e mais 150 pessoas que compõem a equipe de produção desembarcaram em Manaus na segunda-feira para gravar as cenas do programa. A maratona de trabalhos deve se estender até o fim de semana, quando a equipe encerrará as gravações do quadro Lar Doce Lar. (AL)

Matéria publicada originalmente no Portal Amazônia

2 comentários

Filed under Não publicado

HSM Expomanagement 2010 terá transmissão online no Portal Amazônia

O maior evento de conhecimento de gestão da América Latina, HSM Expomanagement, realizado anualmente para reunir conceitos do mundo corporativo, poderá ser acompanhado pela internet. O evento será realizado no período de 8 a 10 de novembro, com transmissão online pelo site http://www.portalamazonia.globo.com/hsm.

No evento, executivos brasileiros de diversas capitais do País estarão reunidos no Transamérica Expo Center, em São Paulo, para discutir novos conceitos em gestão de pessoas e empresas. O ministro de Estado e presidente do Banco Central do Brasil, Henrique Meirelles, será um dos palestrantes, além de nomes como Philip Kotler, Jim Collins, Carlos Ghosn, Steven Levitt, Gary Hamel, entre outros.

De acordo com os organizadores, além das discussões no auditório principal com a presença dos maiores pensadores do management da atualidade, os visitantes poderão ainda ter acesso gratuito aos novos espaços projetados para esta edição. A “Estações do Conhecimento”, que terá quatro núcleos temáticos de discussões com temas variados: “Brasil: Presença na Gestão que dá certo”, “Design na Estratégia”, “Geração Y” e “Sustentabilidade em foco”.

Temas como liderança, marketing digital, cultura de inovação e outros assuntos, também poderão ser discutidos durante a “Rodadas Inspiracionais“. Serão mais de 200 horas de palestras distribuídas em 11 auditórios.

A HSM ExpoManagement é realizado pela HSM do Brasil há 20 anos. O evento foi projetado para reunir ideias inovadoras e bem sucedidas na área empresarial. O evento pretende reunir mais de 20 mil pessoas.

Matéria publicada originalmente no PortalAmazônia

Deixe um comentário

Filed under notícias

Lula inaugura Centro de Pesquisas e Desenvolvimento da Petrobras no Rio de Janeiro

RIO DE JANEIRO – O presidente Luiz Inácio Lula da Silva inaugurou nesta tarde (7), a expansão do Centro de Pesquisas e Desenvolvimento Leopoldo Américo Miguez de Mello (Cenpes). Localizado na Ilha do Fundão, no Rio de Janeiro, o complexo vai ampliar a capacidade de pesquisa da Petrobras e de universidades brasileiras.

O presidente chegou ao Cenpes no começo da tarde e, na companhia de engenheiros e do presidente da Petrobras, Jose Sérgio Gabrielli, percorreu as instalações do complexo. Em seu discurso, Lula falou da importância da expansão do Cenpes para o desenvolvimento do País e fez um balanço das ações do governo na área de Ciência e Tecnologia. “O centro dá a vocês o direito de dizer ao mundo que o Rio de Janeiro é uma cidade e um estado tecnológico, porque é aqui onde está o maior centro de pesquisa da Petrobras e do Hemisfério Sul”, disse o presidente, acrescentando que se sente satisfeito por ter cumprido tudo aquilo o que lhe foi proposto no setor gerando emprego e renda do País. “Se tivesse que morrer agora, morreria feliz”, concluiu.

Com a ampliação, o atual complexo da Petrobras ocupará mais 300 mil m2. O Centro conta com dez novas alas de laboratórios, sendo cinco destinadas a atender exclusivamente às demandas do pré-sal. O espaço ainda tem laboratórios destinados à Biotecnologia, fertilizantes e bicombustíveis, além de recursos de água e petroquímica.

“A Petrobras avançou e irá crescer ainda mais. Essa ampliação é uma resposta às necessidades dessa evolução. O Cenpes vai criar novos desafios para a geração de conhecimentos em diversas áreas”, destacou o diretor de Exploração de Petróleo da Petrobras, Carlos Tadeu da Costa Fraga, em entrevista ao Portal Amazônia.

A obra de ampliação do Cenpes gerou cerca de seis mil empregos diretos e 15 mil empregos indiretos.


Cerimônia de inauguração da expansão do Cenpes, no Rio de Janeiro.
Foto: Andrezza Lifsitch/Portal Amazônia

Ampliação O Centro de Pesquisas e Desenvolvimento agrega técnicas de construção aliadas à sustentabilidade e ecoeficiência com instalações inovadoras. O Núcleo de Visualização Colaborativa (NVC), por exemplo, conta com ambientes para desenvolvimento de estudos e projetos com simulação tridimensional. Nele, pesquisadores poderão trabalhar remotamente no NVC e em outros locais, como se estivessem imersos dentro do modelo estudado. Instalações do Cenpes.


Instalações do Cenpes. Foto: Agência Petrobras

Matéria publicada originalmente no Portal Amazônia

Deixe um comentário

Filed under notícias

Prefeito de Manaus diz que Wallace foi condenado sem julgamento

MANAUS – “Foi uma condenação antes que ele fosse julgado”. A afirmação é do prefeito de Manaus, Amazonino Mendes, ao comentar, em nota, a morte do ex-deputado Wallace Souza na tarde desta terça-feira (27) em São Paulo.

“Também me compadeço com o sofrimento de toda a família. Sei que milhares e milhares e milhares de pessoas estão compartilhando dessa grande dor da perda do deputado Wallace Souza”, disse o prefeito.

Wallace Souza teve fígado, pulmão e rins paralisados na noite de ontem (26). Por volta de 15h50 ele teve parada cardíaca devido a uma infecção generalizada.

Acusado de chefiar uma organização criminosa e de ter envolvimento na trama para assassinar a juíza federal Jaíza Fraxe, o ex-deputado foi transferido para o hospital na capital paulista em março deste ano, onde estava internado desde o dia 11 de julho na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). Em outubro do ano passado ele teve o mandato de deputado estadual cassado pela Assembleia Legislativa do Amazonas.

Materia publicada originalmente no link: http://portalamazonia.globo.com/pscript/noticias/noticias.php?idN=109143

Deixe um comentário

Filed under Sem categoria

Filho de Wallace lamenta morte do pai em site da Internet

MANAUS – “1° Pena de morte no Brasil, foi execrado sem sequer ter sido julgado. Não existe dor pior”. A afirmação está na pagina do Orkut do filho de Wallace Souza, Williard Souza. O ex-parlamentar morreu nesta terça-feira (27) vítima de uma parada cardíaca e infecção generalizada, no Hospital Bandeirantes, em São Paulo.

Na página, Wiliard publicou, ainda, trechos do pronunciamento do pai no dia da cassação dele na Assembleia Legislativa do Amazonas, em outubro do ano passado quando ele foi afastado por quebra de decoro parlamentar. Wallace era acusado de chefiar uma organização criminosa e de estar envolvido na trama para assassinar a juíza federal Jaíza Fraxe.

“Eu só não quero é que as pessoas e infelizmente alguns populares me julguem por questões políticas, aqui está um julgamento sério, um julgamento de um ser humano, um julgamento de um pai de família”, diz o primeiro trecho do texto. Em outro momento, o ex-parlamentar se defende de todas as acusações. “Eu nunca fui ouvido em nenhuma dessas acusações, em nenhuma delas… E mesmo assim me acusam de todos os crimes das maiores atrocidades, e somente Deus, tem me dado a força necessária, a resistência necessária pra que eu consiga e continue enfrentando tudo isso”.

O filho do ex-parlamentar publicou ainda uma arte com uma foto de Wallace acompanhada da frase “Um Guerreiro de verdade nunca perde a batalha, e o senhor como guerreiro não perdeu, ganhou!”. A página traz ainda diversas mensagens de amigos do filho do ex-parlamentar.

Cassação

“Senhores, eu peço pela minha família, eu peço desculpas aos meus filhos, eu peço desculpas aos meus irmãos, eu peço desculpas á mãe dos meus filhos, por estarem sofrendo TANTO junto comigo…”, disse o ex-parlamentar na ocasião da cassação.

Wallace Souza era casado e deixou três filhos. (AL)

Publicado riginalmente no link: http://portalamazonia.globo.com/pscript/noticias/noticias.php?idN=109180

Deixe um comentário

Filed under notícias

Há um ano cheia do Rio Negro atingia marca histórica de 1953

MANAUS –  Há exatamente um ano, o Rio Negro atingiu a cota da maior cheia que já havia sido registrada em Manaus. Na manhã de quarta-feira, 24 de junho de 2009, o nível chegou a 29,69 metros, a mesma marca anotada em 1953. Cinco dias depois, o rio subiria ainda mais e atingiria a marca histórica de 29,75, registrando a maior cheia de todos os tempos, desde que começou a medição pelo Serviço Geológico do Brasil.

A cheia causou transtornos aos moradores da capital amazonense que vivem às margens do Rio. São Raimundo, Santo Antônio, Glória, todos na zona Oeste, e Educantos, na zona Sul, foram os bairros mais afetadas. Ruas e avenidas do centro histórico ficaram alagadas.

Veja as fotos da cheia de 2009

No dia anterior à marca histórica, o Instituto Municipal de Trânsito e Transporte Urbano (IMTT) interditou a avenida Eduardo Ribeiro – uma das principais vias de Manaus – no trecho entre  a avenida 7 de Setembro e a rua Marques de Santa Cruz, em frente ao Porto de Manaus, no Centro da cidade.

A medida emergencial foi tomada depois que a água do rio Negro chegou à avenida Eduardo Ribeiro através das galerias pluviais provocando inundação na área do Relógio Municipal.

Nas áreas alagadas, passarelas de madeira foram usadas para o acesso dos moradores. Em algumas áreas onde elas não foram construídas, o jeito foi entrar na água. “Venho com calção de casa, com minha roupa pendurada. Tenho um amigo que mora ali em cima. Troco de roupa na casa dele e vou trabalhar. Na volta, faço a mesma coisa”, disse na época, o porteiro Luiz Carlos Freitas.

Veja fotos de uma das Ruas da Manaus Moderna há um ano atrás, quando o Rio Negre atingiu a cota de 1953:


Foto resgistrada em 24 de junho de 2009 –  Manaus Moderna, Centro de Manaus.
Foto: Gláucia Chair/ Portal Amazônia


Foto resgistrada nesta quarta-feira, 24 de junho de 2010 – Manaus Moderna, Centro de Manaus.
Foto: Andrezza Lifsitch/ Portal Amazônia

Ao todo, 18 mil pessoas foram atingidas pela cheia na capital do Amazonas, segundo números da Defesa Civil do município.

Deixe um comentário

Filed under notícias