Prefeito de Manaus diz que Wallace foi condenado sem julgamento

MANAUS – “Foi uma condenação antes que ele fosse julgado”. A afirmação é do prefeito de Manaus, Amazonino Mendes, ao comentar, em nota, a morte do ex-deputado Wallace Souza na tarde desta terça-feira (27) em São Paulo.

“Também me compadeço com o sofrimento de toda a família. Sei que milhares e milhares e milhares de pessoas estão compartilhando dessa grande dor da perda do deputado Wallace Souza”, disse o prefeito.

Wallace Souza teve fígado, pulmão e rins paralisados na noite de ontem (26). Por volta de 15h50 ele teve parada cardíaca devido a uma infecção generalizada.

Acusado de chefiar uma organização criminosa e de ter envolvimento na trama para assassinar a juíza federal Jaíza Fraxe, o ex-deputado foi transferido para o hospital na capital paulista em março deste ano, onde estava internado desde o dia 11 de julho na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). Em outubro do ano passado ele teve o mandato de deputado estadual cassado pela Assembleia Legislativa do Amazonas.

Materia publicada originalmente no link: http://portalamazonia.globo.com/pscript/noticias/noticias.php?idN=109143

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under Sem categoria

Filho de Wallace lamenta morte do pai em site da Internet

MANAUS – “1° Pena de morte no Brasil, foi execrado sem sequer ter sido julgado. Não existe dor pior”. A afirmação está na pagina do Orkut do filho de Wallace Souza, Williard Souza. O ex-parlamentar morreu nesta terça-feira (27) vítima de uma parada cardíaca e infecção generalizada, no Hospital Bandeirantes, em São Paulo.

Na página, Wiliard publicou, ainda, trechos do pronunciamento do pai no dia da cassação dele na Assembleia Legislativa do Amazonas, em outubro do ano passado quando ele foi afastado por quebra de decoro parlamentar. Wallace era acusado de chefiar uma organização criminosa e de estar envolvido na trama para assassinar a juíza federal Jaíza Fraxe.

“Eu só não quero é que as pessoas e infelizmente alguns populares me julguem por questões políticas, aqui está um julgamento sério, um julgamento de um ser humano, um julgamento de um pai de família”, diz o primeiro trecho do texto. Em outro momento, o ex-parlamentar se defende de todas as acusações. “Eu nunca fui ouvido em nenhuma dessas acusações, em nenhuma delas… E mesmo assim me acusam de todos os crimes das maiores atrocidades, e somente Deus, tem me dado a força necessária, a resistência necessária pra que eu consiga e continue enfrentando tudo isso”.

O filho do ex-parlamentar publicou ainda uma arte com uma foto de Wallace acompanhada da frase “Um Guerreiro de verdade nunca perde a batalha, e o senhor como guerreiro não perdeu, ganhou!”. A página traz ainda diversas mensagens de amigos do filho do ex-parlamentar.

Cassação

“Senhores, eu peço pela minha família, eu peço desculpas aos meus filhos, eu peço desculpas aos meus irmãos, eu peço desculpas á mãe dos meus filhos, por estarem sofrendo TANTO junto comigo…”, disse o ex-parlamentar na ocasião da cassação.

Wallace Souza era casado e deixou três filhos. (AL)

Publicado riginalmente no link: http://portalamazonia.globo.com/pscript/noticias/noticias.php?idN=109180

Deixe um comentário

Filed under notícias

Há um ano cheia do Rio Negro atingia marca histórica de 1953

MANAUS –  Há exatamente um ano, o Rio Negro atingiu a cota da maior cheia que já havia sido registrada em Manaus. Na manhã de quarta-feira, 24 de junho de 2009, o nível chegou a 29,69 metros, a mesma marca anotada em 1953. Cinco dias depois, o rio subiria ainda mais e atingiria a marca histórica de 29,75, registrando a maior cheia de todos os tempos, desde que começou a medição pelo Serviço Geológico do Brasil.

A cheia causou transtornos aos moradores da capital amazonense que vivem às margens do Rio. São Raimundo, Santo Antônio, Glória, todos na zona Oeste, e Educantos, na zona Sul, foram os bairros mais afetadas. Ruas e avenidas do centro histórico ficaram alagadas.

Veja as fotos da cheia de 2009

No dia anterior à marca histórica, o Instituto Municipal de Trânsito e Transporte Urbano (IMTT) interditou a avenida Eduardo Ribeiro – uma das principais vias de Manaus – no trecho entre  a avenida 7 de Setembro e a rua Marques de Santa Cruz, em frente ao Porto de Manaus, no Centro da cidade.

A medida emergencial foi tomada depois que a água do rio Negro chegou à avenida Eduardo Ribeiro através das galerias pluviais provocando inundação na área do Relógio Municipal.

Nas áreas alagadas, passarelas de madeira foram usadas para o acesso dos moradores. Em algumas áreas onde elas não foram construídas, o jeito foi entrar na água. “Venho com calção de casa, com minha roupa pendurada. Tenho um amigo que mora ali em cima. Troco de roupa na casa dele e vou trabalhar. Na volta, faço a mesma coisa”, disse na época, o porteiro Luiz Carlos Freitas.

Veja fotos de uma das Ruas da Manaus Moderna há um ano atrás, quando o Rio Negre atingiu a cota de 1953:


Foto resgistrada em 24 de junho de 2009 –  Manaus Moderna, Centro de Manaus.
Foto: Gláucia Chair/ Portal Amazônia


Foto resgistrada nesta quarta-feira, 24 de junho de 2010 – Manaus Moderna, Centro de Manaus.
Foto: Andrezza Lifsitch/ Portal Amazônia

Ao todo, 18 mil pessoas foram atingidas pela cheia na capital do Amazonas, segundo números da Defesa Civil do município.

Deixe um comentário

Filed under notícias

“Lo Schiavo” encerra apresentações no Teatro Amazonas

Hoje fui cobrir o encerramento do Festival Amazonas de Ópera no Teatro Amazonas: Olha no que deu:

MANAUS – A Ópera Lo Schiavo (O Escravo), do escritor brasileiro Antônio Carlos Gomes, encerrou as apresentações do 14º Festival Amazonas de Ópera, no Teatro Amazonas, neste domingo (23). O espetáculo contou com a participação do Corpo de Dança do Amazonas, Coral do Amazonas e Orquestra Amazonas Filarmônica, para mostrar o romance entre Américo e Ilara.

Em quatros atos, ”Lo Schiavo” narra a busca pelo amor proibido e em paralelo faz um resgate à escravidão. O espetáculo é ainda uma homenagem à Princesa Isabel, que pôs fim à escravatura no país.

No drama, a jovem índia Ilara vive como doméstica na fazenda do pai de Américo, o Conde Rodrigo que, por não aceitar ver o filho apaixonado por uma escrava, ordena que ele sirva ao Exército. Américo parte acreditando que, ao voltar, seu pai abençoará o casamento entre eles. Enquanto isso, o Conde realiza a união de Ilara com Iberê. A história se passa em 1567 no Rio de Janeiro. Ao fundo, Ilara e Iberê.

Para encenar a história de drama e amor, músicos do Coral do Amazonas e da Orquestra Amazonas Filarmônica, composta por cerca de 70 integrantes, deram sonoridade à história. De acordo com o maestro Miguel Campos Neto, todos os anos grupo começa a ler as peças três meses antes do festival. Antônio, filho do Conde, na trama “Lo Schiavo”.

O espetáculo encenado no Teatro Amazonas, maior símbolo turístico do Estado, ganhou movimento com os bailados do Corpo de Dança do Amazonas. A apresentação de ”Lo Schiavo” durou cerca de 4 horas. Apaixonados, Ilara e Antônio.

FAOO 14ª Festival Amazonas de Ópera (FAO) começou no último dia 23 de abril no teatro Amazonas e em outros diversos espaços culturais da cidade. O circuito de óperas contou com a apresentação de 15 espetáculos, como Romeu e Julieta, de Charles Gonoud, A Cinderela, do italiano Gioacchino Rossini, entre outros.

Para o maestro Campos Neto o sucesso do FAO deu-se, principalmente, pela diversidade dos autores brasileiros apresentados durante o evento .“A formação que predominou foi de característica ímpar, pelo fato dos compositores brasileiros serem bastante distintos em suas obras. Exemplo disso, cito o Padre José Maurício, compositor da Missa de Santa Cecília, que tem estilo Barroco, já Antônio Carlos Gomes atua no romantismo, e Heitor Villa-Lobos apresenta um rol de composições contemporâneas”, disse o maestro responsável por reger a ópera Floresta do Amazonas.

Acessibilidade

Além da diversidade de estilos, outro destaque do evento foi o Sistema de Libras e Áudio-descritivo, que possibilitou presença de portadores de necessidades especiais nos espetáculos. As óperas também foram narradas em linguagem de sinais. “Eu fechei meus olhos e consegui imaginar os atores, principalmente os que interpretavam os escravos. Todos os personagens estavam lindos na minha imaginação”, contou a deficiente visual Ana Marcela, de 22 anos, que veio de Benjamin Constant, distante a XX de Manaus, especialmente para o Festival.

Questionada sobre o acesso a eventos culturais para pessoas com qualquer tipo de deficiência visual, Ana disse estar contente com a iniciativa, e espera que esses eventos sejam prestigiados por todos. Ela disse que voltará outros anos para acompanhar o evento.

As fotos da ópera ficaram lindas. Fiquei orgulhosa de mim: http://portalamazonia.globo.com/pscript/noticias/noticias.php?pag=old&idN=105791

😀
FIM.

Deixe um comentário

Filed under notícias

Carlas Dias, Sophia e Isabella Camero chegam a Manaus

MANAUS – As atrizes Sophia Abrahão, Carla Dias e Isabella Camero já estão em Manaus para encenar o espetáculo “Confissões de Adolescentes”, neste fim de semana em quatro sessões. A peça dos escritores Matheus Souza e Clarice Falcão é uma adaptação do texto original de Maria Mariana e traz ainda Marianna Pastori e a própria escritora Clarice no elenco.

As jovens atrizes levam ao palco a releitura do clássico seriado de TV e espetáculo teatral que caiu no gosto das garotas nos anos 90 por abordar dúvidas e conflitos da adolescência. Na primeira versão, Maria Mariana, Georgiana Góes, Daniele Valente e Deborah Secco, hoje atrizes consagradas na televisão brasileira, deram vida às personagens.

“É ótimo trabalhar em uma peça que consagrou atrizes no Brasil, além de poder tratar de assuntos que ainda são recentes para mim”, disse a atriz Carla Dias.

Para a nova versão do espetáculo, os autores precisaram fazer algumas adaptações. Mas, segundo as atrizes, a essência da montagem original continua a mesma. “Tivemos o cuidado de manter o espírito da peça, que é justamente tratar sobre as primeiras experiências e angustias dessa fase da nossa vida”, explica Isabella.

Além das questões relacionadas à “primeira vez”, aborto e aos primeiros problemas de “gente grande”, que aparecem na fase da adolescência, elas também falam de profissão e até mesmo de eleição. Todos esses problemas são tratados com muito humor e diversão.

Para dá um toque de realidade à montagem, alguns problemas encenados são histórias reais da vida das próprias atrizes. Até mesmo as personagens recebem os nomes das protagonistas. “Ao longo da peça se confundem situações particulares com situações fictícias, por isso a gente acaba se identificando com muito com a peça”, destaca Sophia, que atuou recentemente em Malhação, da Rede Globo.

Conforme explica Carla Dias, a peça é feita também para pessoas que já passaram dos 20. Muitos pais, por exemplo, levam os filhos à platéia do espetáculo como forma de quebrar os tabus e criar uma abertura maior nas conversas. A peça “Confissões de Adolescentes” estará em cartaz nos dias 15 (sábado) e 16 (domingo) deste mês, no Teatro La Salle, em quatro sessões: no dia 15, as sessões serão às 19h30 e 22h30; no dia 16, às 19h e 21h.

Deixe um comentário

Filed under notícias

Eu gostei de escrever sobre futebol. É mais divertido :D

Lista de escalação do técnico Dunga não agrada internautas

MANAUS – A lista de craques que vão representar o Brasil na Copa do Mundo na África do Sul não agradou aos internautas do Portal Amazônia. Após a divulgação dos nomes, nesta terça-feira (10), no Hotel Windsor, no Rio de Janeiro, leitores de diversos Estados brasileiros criticaram a escolha de Dunga, técnico da Seleção Brasileira.

Célio Filho, de Fortaleza (CE), não concordou nem um pouco com os nomes escalados. “Tem jogadores nessa lista que são reservas dos times que jogam. Se o Dunga gosta de currículo, deveria levar os craques das Copas de 70, 82 ou 94”, disse o internauta.

Márcio Santos, de Curitiba (PR), acha que Kaká, no meio campo, e Robinho, no ataque, vão carregar sozinhos a responsabilidade do time. “Sobrou para eles”, comentou.

Nem mesmo o favoritismo popular de Neymar e Ganso trouxe sorte para os santistas. Quanto ao Imperador do Flamengo, não teve outra: está fora da lista. Os escândalos recentes são as possíveis causas apontadas para que o técnico tenha deixado o atacante no escanteio.

Ronaldinho Gaúcho e Adriano também não representarão o Brasil neste mundial. Isso também não agradou nada, nada, o internauta de Portugal, Lidio Garcia. “Não gostei nada. Não levar o Ronaldinho Gaúcho … isso vai dar uma confusão. O Brasil está fora de ser campeão”, disse.

A convocação de Grafite foi a surpresa da lista. O atacante do Wolfsburg já atuou duas vezes na seleção. “Não gostei da convocação do Grafite, para mim era Neymar”, observou Paulo Peixoto, de São Paulo.

A seleção estreia na Copa em 15 de junho contra a Coreia do Norte no estádio Ellis Park, em Joanesburgo, às 15h30m (de Brasília). No dia 20,  o time encara a Costa do Marfim no Soccer City, na mesma cidade e horário. O rival da última rodada do Grupo G é Portugal, 25 de junho, às 11h (de Brasília), em Durban.

Clique aqui e veja todos os comentários

Lista de convocados

Goleiros

Júlio César (Inter de Milão)

Gomes (Tottenham),

Doni (Roma)

Laterais

Daniel Alves  (Barcelona)

Gilberto  (Cruzeiro)

Maicon  (Inter de Milão)

Michel Bastos  (Lyon)

Zagueiros

Juan (Roma)

Lúcio (Inter de Milão)

Luisão (Benfica)

Thiago Silva (Milan)

Meio campo

Elano (Galatasaray)

Felipe Melo (Juventus)

Gilberto Silva (Panathinaikos)

Josué (Wolfsburg)

Júlio Baptista (Roma)
Kaká (Real Madrid)

Kleberson (Flamengo)

Ramires (Benfica)
Atacantes

Grafite (Wolfsburg)
Luís Fabiano (Sevilla)

Nilmar (Villarreal)

Robinho (Santos)

 OBS.: Rendeu 18 comentários. Vejam http://portalamazonia.globo.com/pscript/noticias/noticias.php?pag=old&idN=105093

Deixe um comentário

Filed under Sem categoria

Rede Amazônica implanta programação regionalizada em quatro estados do Norte

MANAUS – Mais de 1 milhão de dólares está sendo investido pela Rede Amazônica de Rádio e Televisão na instalação de geradoras de sinais via satélite para os estados do Acre, Amapá, Roraima e Rondônia, que compõe a rede da emissora. As capitais vão gerar conteúdo para o interior do próprio estado, com programação específica. O projeto recebe o nome de “Estadualização” e está na fase de instalação de estações em algumas localidades.

O Amapá foi o primeiro estado a ter 100% de cobertura regionalizada. A previsão é que até o fim deste mês sejam finalizados os trabalhos de instalação de receptores no estado do Acre. Rondônia deve receber a receptora a partir do mês de junho, e em seguida Roraima. A intenção é que antes da Copa de 2014 todos os estados cobertos pela Rede Amazônica estejam recebendo sinal diretamente via satélite.

Até a implantação do projeto, todos os estados cobertos pela Rede Amazônica recebiam sinal via satélite produzido em Manaus.

De acordo com o diretor de tecnologia da Rede Amazônia, Nivele Daou, cada cidade passou a ser conectada com a geradora que representa o seu estado. O conteúdo produzido pelas geradoras dos estados de Roraima, Rondônia, Amapá e Acre serão produzidos em suas próprias capitais.

No modelo antigo, as cidades não contavam com um veículo capaz de dar unidade aos Estados. “Com a Estadualização, os estados passaram a ter essa condição. Agora eles podem desenvolver políticas estaduais, modelos econômicos que possam atender a todos, além de tornar possível uma prática jornalística que tenha acesso a qualquer região do estado. Isso é uma integração que antes não existia”, destaca Nivele Daou.


Estrutura utilizada antes da implementação da “Estadualização: Os estados cobertos pela Rede
Amazônica recebiam sinal produzido em Manaus. Arte: Portal Amazônia

Conforme o diretor, o que acontecia era que, politicamente e comercialmente, os municípios desses estados acabavam não tendo contato com a capital.  “Se houver a necessidade de realizar uma campanha de vacinação, por exemplo, será possível fazer.  O próprio governo do Estado coordena a ação e todos os municípios passam a receber a informação”, explica.

Para o diretor de jornalismo da TV Rondônia, Nonato Neves, a implementação do projeto aumentará a abrangência dos telejornais produzidos no Estado. “O sinal da TV Rondônia vai chegar a várias localidades, isso é ótimo porque os nossos telejornais serão assistidos por moradores de localidades distantes. Assim, a TV Rondônia cobrirá ainda mais o Estado com muito mais informação”, destaca Neves.

O diretor geral de jornalismo da Rede Amazônica, Milton Cordeiro, destaca que a partir de agora a emissora estará conectada com todas as outras regiões da Amazônia. “A grande vitória do projeto é que estaremos mostrando nos interiores dos estados o que de fato acontece na capital”.


Com a Estadualiação, cada estado produzirá conteúdos que serão disponibilizados para os municípios.
Arte: Portal Amazônia

A estrutura e investimentos necessários para a implementação começaram a ser estudados há cerca de quatro anos.  Em 2009, a empresa deu início à implementação do projeto. Segundo Nivele, somente a partir do ano passado, quando foram colocados no mercado equipamentos mais avançados,  a empresa deu inicio à compra e a finalização do projeto.  (AL)

 http://portalamazonia.globo.com/pscript/noticias/noticias.php?pag=old&idN=104400

Deixe um comentário

Filed under notícias