Category Archives: notícias

Redes sociais: não se mede o valor de um relacionamento somente com números

Compartilhar26 O “mercado” de internet vive de estatísticas. Semanalmente, um instituto, uma empresa ou uma agência divulga um estudo relacionado a algum fenômeno da web. Dessa forma, tomamos conhecimento, por exemplo, que 33% das mulheres da chamada classe média digital no Brasil, Argentina e México preferem a internet à TV (Razorfish/Terra); que 60% dos internautas aprovam o uso das redes sociais como forma de promoção e divulgação de produtos (Ibope Nielsen Online); ou que o Facebook cresceu 102% no Brasil entre setembro de 2009 e maio de 2010 (Ibope).

As próprias plataformas da internet são fartas para fornecer números. Uma simples pesquisa do Google já mostra o número de referências de uma determinada palavra na web (marketing digital, por exemplo, possui 145.000.000 de resultados); o Google Analytics fornece inúmeras estatísticas sobre as visitas no seu site, o LinkedIn destaca quantas conexões você tem no mercado profissional; no Facebook, você pode contar o número de amigos e, no Twitter, o de seguidores.

Se há tantos números para usar e é tão fácil “medir”, é natural se empregar as várias estatísticas existentes para avaliar os resultados da atuação das empresas nas redes sociais. Esse recurso serve inclusive para concretizar os resultados sempre tão intangíveis do marketing e justificar os investimentos, não é mesmo?

Infelizmente, a “equação” não é tão simples de resolver. Lembre-se, estamos falando justamente de “redes sociais”, interação entre pessoas, e não se mede o valor de um relacionamento somente com números.

É claro que, em uma campanha, as estatísticas são essenciais para se quantificar os resultados e a evolução do trabalho. Porém, não se pode esquecer do lado qualitativo, o que nas redes sociais é o que faz a diferença. Vale mais ter um punhado de amigos e seguidores que conhecem o seu produto, compram, interagem, compartilham e o elogiam para toda a comunidade do que um milhão de seguidores sem nenhum vínculo com o seu produto e que estão na lista somente para retribuir o “follow”.

Empresas e agências que atuam há mais tempo nas redes já utilizam indicadores qualitativos, baseados em três conceitos básicos: relevância, influência e engajamento. Uma ação é relevante quando consegue ter receptividade do púlbico-alvo e influente ao estimular as pessoas a acompanhar as ações da empresa e tornarem-se clientes. Por sua vez, engajamento é a capacidade de transformar seguidores e fãs em defensoras da empresa, do produto ou da marca. 

Em termos práticos, isso significa desenvolver não apenas novos parâmetros de avaliação das ações, mas também repensar os objetivos e as estratégias. Como esse ainda é um campo novo no qual o que funciona ou não é aprendido no dia a dia, ainda há poucas referências. Uma proposta realista é apresentada pelo consultor José Antonio Ramalho, autor de Mídias Sociais na Prática, que defende o ROE (Return Of Engagement) como indicador qualitativo para avaliar o retorno das campanhas. Formular o ROE depende de questionamentos, entre eles: Como é possível medir o índice de satisfação de um cliente, investidor ou empregado que participa das mídias sociais? Como medir o quanto as mídias sociais estão ajudando o SAC da empresa? Qual o ROI de um gerenciamento de crise? O peso de cada indicador vai variar de acordo com segmento de atuação, objetivos, perfil da empresa e dos públicos a serem atingidos.

Avaliar o trabalho realizado nas redes sociais pelo lado qualitativo pode ser complexo, mas em compensação gera uma percepção muito mais completa sobre a influência da empresa e, por consequência, a fidelização de seus clientes e consumidores. Publicado em Imasters

Autor: Silvio Tanabe é consultor de marketing digital da www.magoweb.com.

1 Comentário

Filed under notícias

Aumenta número de presos sem condenação no Amazonas

MANAUS – O número de presos não-condenados no Amazonas aumentou segundo dados do 4º Anuário do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, lançado nesta quarta-feira (14). O balanço aponta ainda que a população carcerária no Amazonas cresceu 13,0% entre os anos de 2008 e 2009. No ano passado, foram contabilizados 417 mil presos em todo o país.

De acordo com o levantamento, o Amazonas está entre os dez estados onde a população carcerária provisória é maior. Em 2008, eram 1.292 presos já condenados. Em 2009, o número saltou para 1.549, o que representa um aumento de 19,9%.  Já a quantidade de presos provisórios em 2008 era de 2.206. No ano passado, o número subiu para 2.312, uma alta de 4,8%.

Dados de presos condenados e provisórios no Amazonas


Fonte: Ministério da Justiça/Departamento Penitenciário Nacional – Depen;  Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Outros nove estados (Alagoas, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Pernambuco, Piauí, Roraima e Sergipe), também aparecem no ranking. No Piauí, estado com o maior percentual, os presos provisóros representam 72,4% do total.

Para o secretário-geral do fórum, Renato Sérgio de Lima, “o sistema prisional vive uma crise de prisões provisórias”. Em entrevista à Agência Brasil, ele disse que a situação indica a falta de integração das instituições responsáveis pela segurança com a Justiça. Ele afirmou ainda que o cenário pode trazer prejuízos irreparáveis aos cidadãos brasileiros presos. “Algumas dessas pessoas podem ser inocentadas em julgamento. A Justiça tem que avançar para conseguir julgá-las mais rapidamente”, disse.

Dados do Ministério da Justiça publicados divulgados no relatório, os presos provisórios em todo o país representavam 30,7% do total em 2008. Em 2009, chegaram a 35,6%, ou seja, 152 mil pessoas.

Deixe um comentário

Filed under notícias

Luciano Huck quer “Soletrando” especial no Amazonas

MANAUS – Durante as gravações do programa especial de Natal, o apresentador do Caldeirão do Huck, da Rede Globo, disse à impressa local que pretende realizar uma edição especial do quadro Soletrando em Manaus. Ele afirmou que em todas as edições do quadro, o Amazonas sempre esteve muito bem representado.

O apresentador disse ter ficado surpreso com a existência de um Soletrando voltado para pessoas com necessidades especiais. Em Manaus, um grupo de mudos promove competições semelhantes ao quadro exibido no Caldeirão.  “Com certeza quero levar esse projeto para o Caldeirão em 2011. Quero mostrar essa história no programa”, disse.

Luciano Huck esteve em Manaus nesta terça-feira (7) para gravar o programa especial de Natal com uma comunidade ribeirinha do Amazonas. Cerca de 16 familias que moram na comunidade de São Thomé, à margem esqueda do Rio Solimões, vão participar dos Agora ou Nunca”, “Lar Doce Lar” e “Lata Velha”.  O programa gravado no Amazonas vai ao ar no dia 25 de dezembro.

Matéria publicada originalmente no Portal Amazônia

Deixe um comentário

Filed under Não publicado

Comunidade do Amazonas mostra vida ribeirinha no Caldeirão do Huck

MANAUS – A realidade da vida de 16 famílias que moram na comunidade de São Thomé, em Acajetuba, em plena floresta amazônica, será apresentada para todo o País durante o programa “A Festa e Sua” do Caldeirão do Huck, Rede Globo. As gravações aconteceram em Manaus, nesta terça-feira (7), tendo como cenário o imponente Teatro Amazonas, no Centro da capital. A exibição do especial será no dia 25 de dezembro.

Sem energia elétrica e isolados geograficamente da capital do Amazonas, os moradores de São Thomé estão a um passo de ver a pequena comunidade ficar conhecida pelo Brasil afora. Assim como diversas famílias que tiveram as vidas transformadas ao participarem do programa, a comunidade que sobrevive da pesca, artesanato e do tímido turismo no local, espera viver uma nova realidade.

Vânia Maria da Costa Mendes, de 40 anos, disse já perceber as mudanças que a visita de Luciano Huck trouxe à comunidade. “Todos estão felizes em participar do programa. É possível ver isso”, disse ela ao Portal Amazônia. O programa gravado no Amazonas vai ao ar no dia 25 de dezembro.


A moradora da comunidade São Thomé, Vânia Maria da Costa Mendes, de 40 anos.
Foto: Diego Ramos/Portal Amazônia

Ela e outras 39 pessoas participaram dos quadros “Agora ou Nunca”, “Lar Doce Lar” e “Lata Velha”, que nesta edição recebeu o nome de “Barca Velha” em homenagem à vida ribeirinha. Todos os anos, o “A Festa é Sua” sai em busca de histórias de vida que possam representar os programas exibidos ao longo do ano.  “Era um sonho fazer um programa em uma comunidade ribeirinha”, disse Luciano. Segundo ele, esse foi o maior desafio já realizado nos dez anos de programa. “Essa família se uniu pela questão geográfica. Por isso são mais que uma família”, destacou Huck durante as gravações.


Programa foi gravado no palco do Teatro Amazonas em Manaus.
Foto: Diego Ramos/Portal Amazônia

O grupo foi desafiado por Luciano a cantar, no Palco do Teatro Amazonas, a música “Imagine”, de Jhon Lennon. Caso vencesse o desafio, o barco utilizado pela comunidade seria totalmente reformado. No “Agora ou Nunca”, o filho de Vânia, Fernando Moraes, de 23 anos, enfrentará o desafio de fazer rapel em busca de R$ 100 mil. Os moradores também aguardam ainda a reforma e ampliação da pousada na comunidade que deverá gerar emprego e renda aos moradores da localidade.


À esqueda, Fernando Mendes, 23 anos, cumpre desafio no quadro Agora ou Nunca.
Foto: Diego Ramos/Portal Amazônia

Oportunidade

Para Fabiano, a participação no programa Caldeirão do Huck representa muito mais do que a chance de ganhar os prêmios. “Agora a nossa comunidade será conhecida por todos. Muitas vezes somos esquecidos no meio da floresta”. Em relação a prova, Mendes disse que é difícil sair do ritmo ribeirinho. “Subir no açaizeiro é completamente diferente”, afirmou.

Após a gravação, Luciano foi recebido pela primeira dama do Estado, Nejmi Aziz, na sede do Governo. No encontro, ela apresentou ao Huck alguns trabalhos sociais desenvolvidos no Amazonas nas áreas do infraestrutura e educação com as Escolas de Tempo Integral. Luciano também conheceu os investimentos do Governo para preparar o estado para a Copa de 2014.
Nejmi Aziz ao lado de Luciano Huck

A primeira-dama disse estar agradecida pela oportunidade de divulgar o Amazonas para o Brasil. “Esse foi um presente de Natal para o povo amazonense e um espaço para um pouco da nossa realidade. Vamos poder dizer que temos 98% da nossa área de floresta preservada. Além de fazer o bem a não só uma pessoa, mas para uma comunidade inteira,” destacou Nejmi Aziz.

Luciano e mais 150 pessoas que compõem a equipe de produção desembarcaram em Manaus na segunda-feira para gravar as cenas do programa. A maratona de trabalhos deve se estender até o fim de semana, quando a equipe encerrará as gravações do quadro Lar Doce Lar. (AL)

Matéria publicada originalmente no Portal Amazônia

2 comentários

Filed under Não publicado

HSM Expomanagement 2010 terá transmissão online no Portal Amazônia

O maior evento de conhecimento de gestão da América Latina, HSM Expomanagement, realizado anualmente para reunir conceitos do mundo corporativo, poderá ser acompanhado pela internet. O evento será realizado no período de 8 a 10 de novembro, com transmissão online pelo site http://www.portalamazonia.globo.com/hsm.

No evento, executivos brasileiros de diversas capitais do País estarão reunidos no Transamérica Expo Center, em São Paulo, para discutir novos conceitos em gestão de pessoas e empresas. O ministro de Estado e presidente do Banco Central do Brasil, Henrique Meirelles, será um dos palestrantes, além de nomes como Philip Kotler, Jim Collins, Carlos Ghosn, Steven Levitt, Gary Hamel, entre outros.

De acordo com os organizadores, além das discussões no auditório principal com a presença dos maiores pensadores do management da atualidade, os visitantes poderão ainda ter acesso gratuito aos novos espaços projetados para esta edição. A “Estações do Conhecimento”, que terá quatro núcleos temáticos de discussões com temas variados: “Brasil: Presença na Gestão que dá certo”, “Design na Estratégia”, “Geração Y” e “Sustentabilidade em foco”.

Temas como liderança, marketing digital, cultura de inovação e outros assuntos, também poderão ser discutidos durante a “Rodadas Inspiracionais“. Serão mais de 200 horas de palestras distribuídas em 11 auditórios.

A HSM ExpoManagement é realizado pela HSM do Brasil há 20 anos. O evento foi projetado para reunir ideias inovadoras e bem sucedidas na área empresarial. O evento pretende reunir mais de 20 mil pessoas.

Matéria publicada originalmente no PortalAmazônia

Deixe um comentário

Filed under notícias

Lula inaugura Centro de Pesquisas e Desenvolvimento da Petrobras no Rio de Janeiro

RIO DE JANEIRO – O presidente Luiz Inácio Lula da Silva inaugurou nesta tarde (7), a expansão do Centro de Pesquisas e Desenvolvimento Leopoldo Américo Miguez de Mello (Cenpes). Localizado na Ilha do Fundão, no Rio de Janeiro, o complexo vai ampliar a capacidade de pesquisa da Petrobras e de universidades brasileiras.

O presidente chegou ao Cenpes no começo da tarde e, na companhia de engenheiros e do presidente da Petrobras, Jose Sérgio Gabrielli, percorreu as instalações do complexo. Em seu discurso, Lula falou da importância da expansão do Cenpes para o desenvolvimento do País e fez um balanço das ações do governo na área de Ciência e Tecnologia. “O centro dá a vocês o direito de dizer ao mundo que o Rio de Janeiro é uma cidade e um estado tecnológico, porque é aqui onde está o maior centro de pesquisa da Petrobras e do Hemisfério Sul”, disse o presidente, acrescentando que se sente satisfeito por ter cumprido tudo aquilo o que lhe foi proposto no setor gerando emprego e renda do País. “Se tivesse que morrer agora, morreria feliz”, concluiu.

Com a ampliação, o atual complexo da Petrobras ocupará mais 300 mil m2. O Centro conta com dez novas alas de laboratórios, sendo cinco destinadas a atender exclusivamente às demandas do pré-sal. O espaço ainda tem laboratórios destinados à Biotecnologia, fertilizantes e bicombustíveis, além de recursos de água e petroquímica.

“A Petrobras avançou e irá crescer ainda mais. Essa ampliação é uma resposta às necessidades dessa evolução. O Cenpes vai criar novos desafios para a geração de conhecimentos em diversas áreas”, destacou o diretor de Exploração de Petróleo da Petrobras, Carlos Tadeu da Costa Fraga, em entrevista ao Portal Amazônia.

A obra de ampliação do Cenpes gerou cerca de seis mil empregos diretos e 15 mil empregos indiretos.


Cerimônia de inauguração da expansão do Cenpes, no Rio de Janeiro.
Foto: Andrezza Lifsitch/Portal Amazônia

Ampliação O Centro de Pesquisas e Desenvolvimento agrega técnicas de construção aliadas à sustentabilidade e ecoeficiência com instalações inovadoras. O Núcleo de Visualização Colaborativa (NVC), por exemplo, conta com ambientes para desenvolvimento de estudos e projetos com simulação tridimensional. Nele, pesquisadores poderão trabalhar remotamente no NVC e em outros locais, como se estivessem imersos dentro do modelo estudado. Instalações do Cenpes.


Instalações do Cenpes. Foto: Agência Petrobras

Matéria publicada originalmente no Portal Amazônia

Deixe um comentário

Filed under notícias

Internet

Há quem diga que não consegue viver sem. O consumo de internet no Brasil cresceu cerca de 12 milhões no ano de 2009, quando o país tinha 67,9 milhões de usuários conectados na rede mundial de computadores. Em 2008, o número era 55,9 milhões, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Luiz Eduardo Leal, de 23 anos, faz parte dessa estatística. Ele usa a internet por mais de 12 horas por dia para acessar contas de e-mail, conversar com amigos em salas de bate-papo e para estar nas redes sociais. Pós-graduado em Marketing e professor de educação física, ele conta que viu na internet uma alternativa para criar projetos que contribuam para a sociedade. Atualmente ele mantém um microblog no Twitter que publica e recebe diariamente informações sobre o trânsito em Manaus. “Sempre me preocupei com o caos no trânsito porque preciso me deslocar diariamente por ruas que geralmente t~em um fluxo grande de veículos. Como sempre fui internauta nato, bolei algo para aliar as duas coisas. E deu certo”, conta. O perfil criado por ele, “TransitoManaus”, contra com mais de sete mil seguidores.

O aumento no número de empresas que aderiram à internet nos últimos anos incrementando a oferta de conteúdos na rede, além do surgimento de sites de relacionamento são fatores que contribuíram para o crescimento de internautas. Segundo estudo da multinacional IBM, até 2012 o número de conectados em redes sociais, com destaque para o Twitter, Orkut e Facebook, ultrapassará 800 milhões. Os dados sobre esses usuários vão mais além. Outro levantamento do Centro de Estudos sobre as Tecnologias da Informação e da Comunicação (Cetic.br) aponta que 49% dos internautas brasileiros utilizam a rede em locais públicos pagos, enquanto que o acesso doméstico se manteve estável: 40% dos usuários têm conexão com a rede em casa.

A jornalista Lydiane Souza Santiago, 24, fica online por cerca de horas diárias. Ela trabalha como assessora de imprensa e reconhece a necessidade de divulgar as ações na web. “Eu acredito que o número de pessoas que acessam internet só cresce pela facilidade, comodidade e rapidez com que as informações circulam. Você pensa, tem uma dúvida e procura no Google, por exemplo. É difícil pensar em escrever uma matéria e não ter como enviá-la por e-mail”, disse a jornalista.

As projeções para o aumento no acesso à internet no País mostram números em grande escala. Só para se ter uma ideia, em março de 2009, O IBOPE Nielsen Online passou a divulgar a quantidade de usuários com acesso à internet em residência e no local de trabalho. Neste período, o número era 38,321, em março deste ano saltou para 46.986. Nos próximos dois anos estima-se que o número de usuários duplique. Para a maioria, a sensação de estar conectado a várias pessoas de qualquer lugar do mundo é a explicação para o sucesso da internet.

“A internet significa ter acesso ao mundo de maneira geral sem sair da frente do computador”, analisa Lydiane. Da mesma ideia compartilha a universitária Rose Sobrinho, de 28 anos. Ela trabalha com clippagem online e também gerencia dois perfis no Twitter. “Na verdade, a internet nos dá desprendimento. Muitas vezes, realizado meu trabalho de casa, ou seja, uma nova tendência está surgindo. Hoje mais pessoas têm acesso, principalmente por causa do barateamento dos equipamentos, isso facilita muito”, destaca.

A internet muda a vida das pessoas, assim define a jornalista. “Em 2009, fui a uma comunidade muito pequena na Calha do Juruá, pouco conhecida. Lá, a energia é a diesel. Na visita, encontrei uma escola que tinha um computador com acesso à internet. Você tem noção do que aquilo significa para um lugar tão distante da capital, da modernidade?”, lançou a pergunta.

Status: não publicado

Deixe um comentário

Filed under notícias